NOTÍCIAS

Comlurb remove 892 toneladas de lixo no Réveillon 2023 em todos os pontos oficiais de festas na cidade – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro – prefeitura.rio

Foram recolhidas 892 toneladas de lixo em toda a cidade – Marcelo Piu/Prefeitura do Rio

O Réveillon em todos os pontos oficiais de festas no Rio gerou 892 toneladas de resíduos. Só em Copacabana, palco principal da festa na cidade, foram 444,5 toneladas, quase a metade do total coletado na cidade. As quantidades incluem os resíduos coletados na pré-limpeza do dia 31/12 de preparação das festas, que foi de 27,9 toneladas, sendo 17,2 apenas em Copacabana. Os números são superiores aos de 2020, última grande festa de Réveillon antes da decretação da pandemia, quando foram coletadas 762 toneladas de resíduos, sendo 351 toneladas só em Copacabana.

Depois de Copacabana, o evento que acumulou mais resíduos foi na Barra da Tijuca, 137,2 toneladas. Ipanema, Leblon e São Conrado contabilizaram 75,3 toneladas de lixo. No Aterro do Flamengo foram 56,3 toneladas. Em seguida, vêm Recreio (52,9 toneladas), Ilha do Governador (38,9 toneladas), Botafogo/Urca (23,2 toneladas) e Paquetá (20,5 toneladas).

A companhia atuou com 4.456 garis distribuídos em todos os pontos de festejo, com o apoio de 171 caminhões, entre compactadores e basculantes, 20 pipas d´água para lavagem das vias com água de reuso, e mais 67 equipamentos, como pás mecânicas, minipás, varredeiras de médio porte e tratores de praia com implementos traseiros para peneiramento da areia.

Foram disponibilizados dois mil contêineres de 240 litros e mil caixas metálicas de 1.200 litros, em todos os pontos de festa, sendo metade em Copacabana. A operação especial de réveillon em Copacabana teve início no dia 31/12, com a pré-limpeza para a festa, com ações em toda a extensão da Av. Atlântica, incluindo o calçadão dos prédios, as pistas e as vias de acesso, com 376 garis, com apoio logístico de caminhões compactadores e vans.

A companhia manteve quatro pontos de apoio logístico e coleta seletiva: entre as Ruas Francisco Sá e Souza Lima, em frente à Rua Santa Clara, em frente à Avenida Prado Júnior, e em frente à Rua Anchieta. Alguns garis atuaram ainda na limpeza de postos médicos instalados para a festa em Copacabana: na Rua Duvivier (Praça do Lido), na Rua República do Peru, na Rua Santa Clara, e entre as Ruas Xavier da Silveira e Bolívar.

A eficiência dos trabalhos dos garis garantiu as vias e as calçadas limpas até as 10h do primeiro dia de 2023, com tudo lavado e desodorizado para a liberação das pistas.

Compartilhe

Categoria:

  • 1 de janeiro de 2023
  • Marcações:

    Notícias

    Três milhões de pessoas celebram a chegada de 2023 nos nove palcos espalhados pela cidade do Rio

    1 de janeiro de 2023

    Primeiro carioquinha de 2023 nasce em São Cristóvão

    1 de janeiro de 2023

    Três milhões de pessoas celebram a chegada de 2023 no Rio com muita música e alegria

    1 de janeiro de 2023

    Seop e Guarda Municipal apresentam balanço parcial da operação Réveillon 2023

    31 de dezembro de 2022

    Plano Verão: Prefeitura conclui as obras de drenagem da Avenida Borges de Medeiros

    31 de dezembro de 2022

    < Voltar