NOTÍCIAS

Prefeitura terá programação especial para a II Semana Carioca de Diversidade Religiosa – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro – prefeitura.rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Coordenadoria Executiva de Diversidade Religiosa, vai realizar a II Semana Carioca de Diversidade Religiosa, de 16 a 19 de janeiro. Na segunda-feira (16/1), às 10h30, para marcar a abertura, haverá a 4ª Reunião da Rede Intermunicipal de Liberdade Religiosa, na Cidade das Artes. Na ocasião, será apresentada a consolidação do banco de dados intermunicipal sobre casos de intolerância religiosa.

A II Semana de Diversidade Religiosa tem o objetivo de promover o respeito, a igualdade e a liberdade de fé e de culto, previstos no art. 5º da Constituição Federal.

– A Semana da Diversidade Religiosa é um importante marco simbólico da diversidade do Rio de Janeiro. Nossa cidade foi e é constituída a partir da pluralidade de credos, de raças e de origens. Celebrar a diversidade religiosa no calendário oficial da cidade fortalece a liberdade e o respeito que nossa gente merece. É um exercício pedagógico. É como praticar, institucionalmente, a liberdade cultural e religiosa – declarou Márcio de Jagun, coordenador de Diversidade Religiosa do município.

A Coordenadoria Executiva de Diversidade Religiosa foi criada nesta gestão do prefeito Eduardo Paes para destacar o direito à liberdade de crença e religião de todos os cariocas, com fundamento na cidadania e na dignidade da pessoa humana.  A II Semana Carioca de Diversidade Religiosa foi estabelecida de acordo com a aprovação da Lei 865/2021, de autoria do vereador Átila Alexandre Nunes.

Confira a programação completa no perfil da Coordenadoria: www.instagram.com/diversidade_religiosa_rio/ e aqui:

16/1 – 4ª Reunião da Rede Intermunicipal de Liberdade Religiosa Abertura: CEDR, Vereador Átila A. Nunes (autor da lei que institui a Semana Carioca de Diversidade Religiosa) Local: Cidade das Artes Horário: 10:30 às 14h Endereço: Av. das Américas, 5300, Sala Eletroacústica – Barra da Tijuca, Pauta: Consolidação do Banco de dados intermunicipal sobre casos de intolerância religiosa; agendamento dos colóquios inter-religiosos; assuntos gerais.

17/1 – Mesa de conversa: Formalização de Templos Componentes da Mesa: Samir Nehme (contador, presidente do CRCRJ); Rafael Bello Arcanjo (advogado, membro da Comissão Nacional de Direitos Humanos); Jair Ribeiro (subtenente reformado do CBMERJ, agente de minimização de desastres – Defesa Civil Niterói, conselheiro cultural e coordenador do MNU em Niterói); Vitor Pimentel Pereira (Sacerdote católico oriental, Mestre e Doutorando em Direito na UERJ, especializado em temática de liberdade religiosa e relações entre Religiões e Estado). Local: Centro de Artes Calouste Gulbenkian Horário: 10:30 às 13h Endereço: R. Benedito Hipólito, 125 – Praça XI, Rio de Janeiro – RJ Pauta: Apresentação de cada etapa do processo de formalização de templos, salientando as obrigações e benefícios advindos do status de pessoa jurídica. O público alvo do encontro são advogados e contadores, profissionais responsáveis pela orientação e encaminhamento das instituições, além de representantes das diversas matrizes religiosas presentes no município.

18/1 – Palestra: Empreendedorismo Religioso – Captação de recursos através de editais Palestrante: Ana Paula Brito (administradora, especialista em gestão pública com ênfase em gestão de cidades metropolitanas e especialista em auditoria, controladoria e gestão de contas públicas). Local:  Museu da História e da Cultura Afro-Brasileira (Muhcab) Horário: 14h às 16h Endereço: R. Pedro Ernesto, 80 – Gamboa Pauta: Abordagem das possibilidades de captação de recursos através de editais governamentais ou privados para desenvolvimento de atividades sociais ou culturais desenvolvidas no ambiente religioso que gerem impacto para a coletividade.

19/1 – Seminário: O Olhar Infantil Sobre os Terreiros e o Município Fotógrafa convidada: Clara Nascimento Palestrantes: Fabrícia (advogada); Adriana Eloy (pedagoga) Mediadora: Stela Caputo (jornalista, professora da Faculdade de Educação da UERJ, autora do livro “Educação nos terreiros e como a escola se relaciona com crianças de candomblé”) Apresentação musical: Escola de Atabaques TUTPC, Mestre Leandro de Oxum Local: Templo de Jagun Horário: 14h às 19h Endereço: R. Saint Hilaire nº 60 – Bonsucesso, Rio de Janeiro – RJ Atividades: Exposição da amostra fotográfica “Pedrinhas Miudinhas”; Roda de conversa com crianças sobre suas perspectivas de terreiro e seu pertencimento no município; palestra sobre o direito de escolha das crianças sobre sua religião; encerramento com apresentação musical.

Compartilhe

Categoria:

  • 14 de janeiro de 2023
  • Marcações:

    Notícias

    Comlurb já removeu 5,4 toneladas de peixes no Canal de Marapendi

    14 de janeiro de 2023

    Guardas municipais impedem prática de rapel no viaduto do Joá

    14 de janeiro de 2023

    Entorno do Maracanã terá interdições para jogo do Flamengo pelo Campeonato Carioca

    14 de janeiro de 2023

    Entorno do Estádio Nilton Santos terá interdições para jogo do Botafogo pelo Campeonato Carioca

    14 de janeiro de 2023

    Subprefeitura da Zona Sul realiza operação de combate à poluição sonora em Ipanema e Leblon

    13 de janeiro de 2023

    < Voltar