NOTÍCIAS

Prefeitura de Cuiabá | Secretária de Turismo destaca sucesso do projeto Rua do Rasqueado, resgate histórico e valorização da cultura cuiabana

A secretária de Turismo de Cuiabá, Nilza Taques, avaliou positivamente as seis edições do projeto “Rua do Rasqueado, 29 Anos de História”. A iniciativa resgatou a história e valorizou  a cultura cuiabana. O projeto foi desenvolvido no Museu do Rio Cuiabá “Hid Alfredo Scaff” e mais de duas mil pessoas participaram das atividades.

Na sexta-feira (10), foi realizado o encerramento do projeto. “O evento foi um sucesso. Agradecemos à Associação Mato-grossense, ao Levi, ao músico Guapo  pela iniciativa da Rua do Rasqueado, por possibilitarem essa ação no Museu do Rio, sede da Secretaria de Turismo. A parceria junto à Secretaria de Estado de Cultura, Esporte, e Assembleia Legislativa, foi positiva. Nossa gratidão às famílias, aos turistas que visitaram o Museu, que participaram valorizando o rasqueado, o lambadão, e ainda aos momentos da música mundial. Seguimos a orientação do prefeito Emanuel Pinheiro, de diversificar os eventos, fortalecendo o turismo”, explicou.

A gestora ainda reforçou que o Museu do Rio está sempre aberto para outras ações que potencializem o turismo, a cultura, a economia e desenvolvimento da cidade.

O projeto Rua do Rasqueado é uma realização da Associação Mato-grossense de Cultura (AMC), com apoio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL) Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) e Secretaria Municipal de Turismo de Cuiabá (SMT).

Idealizador do ‘Rua do Rasqueado’, o músico, compositor e mestre da cultura popular mato-grossense, Milton Pereira de Pinho, o popular ‘Guapo’, adiantou que a experiência no Museu do Rio foi o começo de um evento que pode ser replicado.

“É um ponto público importante da capital, que recentemente passou por uma reforma e que permitiu enaltecer a nossa cultura musical. Devido ao seu cunho extremamente poético dentro dos sons da Baixada e Pantanal, também com um viés acolhedor para o turismo, o “Rua do Rasqueado, 29 Anos de História”, celebrou durante seis noites o melhor da nossa musicalidade. Parabéns pela iniciativa e apoio da secretária Nilza Taques e sua equipe. Foram seis noites navegando numa chalana no Pantanal, bem como catando as mangas, pequis e outras coisas no cerrado da Baixada Cuiabana. Lembrando que neste ano, o projeto completará 30 anos com uma belíssima festa”, comentou.

Marcos Levi Barros, Presidente da Associação Mato-grossense de Cultura (AMC), também fez uma análise positiva do evento.

“Concluímos com sucesso a edição 29 anos do “Projeto a Rua do Rasqueado” e agradecemos a todos os parceiros, colaboradores e visitantes que apoiaram essa iniciativa, que valoriza nossa música e nossa dança popular”.

O turismólogo da Secretaria de Turismo,Edu Sá, apresentou dados oficiais da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) e da Polícia Militar. “De acordo com a Polícia Militar, tivemos um público estimado em duas mil pessoas nas seis noites, cerca de 500 veículos. Além das apresentações, o público contou com uma ampla praça de alimentação na área externa, na Praça do Espaço Cultural Liu Arruda. Nos foi fornecido ainda todo o suporte do 1º Batalhão da Polícia Militar, e não se registrou nenhum relato de problema. A presença de todos permitiu o sucesso do Rua do Rasqueado, e buscaremos cada vez mais realizar atividades de fomento ao turismo e cultura valorizando o espaço da região do Porto”. As seis edições ocorreram  nos dias 26 e 27 de janeiro; 02, 03, 09 e 10 de fevereiro, das 18h30 às 22h. O público pode prestigiar as apresentações do  Trio Pescuma, Banda Scort Som, Roberto Lucialdo, Os Originais, Banda Signus, Mega Boys, Lambadeiros de Elite e João Eloy.