NOTÍCIAS

Prefeitura de Cuiabá | Stopa destaca importância do Mercado do Porto para o desenvolvimento de Cuiabá: “Um dos motores econômicos local”

O vice-prefeito de Cuiabá, José Roberto Stopa, destacou que, além de toda importância cultural, gastronômica e turística, o Mercado Antônio Moisés Nadaf (Mercado do Porto) também exerce papel fundamental na movimentação da economia local. Dessa forma, para ele, a entrega da nova estrutura, realizada nesta sexta-feira (21) pela gestão Emanuel Pinheiro, representa um marco significativo na história de Cuiabá.

Com 187 espaços comerciais e 153 permissionários atuando de terça-feira a domingo, o Mercado do Porto promove, atualmente, uma movimentação econômica na Capital de, em média, R$ 50 milhões por mês. Somado a isso, o centro comercial é responsável por gerar, de forma direta, mais de 1,2 mil empregos e atrair, mensalmente, aproximadamente 120 mil frequentadores de todos os lugares do mundo.

“São números impressionantes que demonstram o tamanho do impacto que o Mercado do Porto exerce em nossa Cuiabá. Ele potencializa os negócios locais, não somente na região do Porto, mas em toda a cidade, e gera inúmeras oportunidades de crescimento para nossa população. Podemos orgulhosamente dizer que o Mercado do Porto é um dos motores econômicos que impulsionam o desenvolvimento local”, disse o vice-prefeito.

Stopa, que também é secretário de Obras Públicas, avaliou ainda que a entrega da nova estrutura pode ser considerada um investimento estratégico e necessário para garantir que os números continuem crescendo. De acordo com ele, ao promover as melhorias no patrimônio histórico, artístico e cultural imaterial, a Prefeitura de Cuiabá assegura o fortalecimento de suas atividades e possibilita que mais pessoas possam desfrutar de tudo que o lugar oferece.

“A execução desse projeto nos permitiu modernizar as instalações, melhorar a infraestrutura e oferecer um ambiente ainda mais agradável e confortável para frequentadores e trabalhadores. Dessa forma, os cuiabanos e os milhares de turistas poderão usufruir com maior qualidade das experiências gastronômicas, dos produtos e de toda atmosfera acolhedora que é marcante no Mercado do Porto”, completou.

O secretário municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo, reforçou a fala do vice-prefeito e lembrou que, ao longo dos anos, o Mercado do Porto tem sido um pilar fundamental para a economia cuiabana. “O Mercado é mais do que um espaço físico. Ele é um símbolo da nossa identidade que a gestão Emanuel Pinheiro sempre tratou com muito carinho”, pontuou Vuolo.